Cree en grande.
CONMEBOL

‘Ciclón’ paraguaio parte para as quartas de final

‘Ciclón’ paraguaio parte para as quartas de final

O Cerro Porteño classificou-se na quarta-feira para as quartas-de-final da CONMEBOL Libertadores 2019 ao vencer o San Lorenzo de Argentina por 2 a 1 no estádio La Olla Monumental, em Assunção, perante cerca de 38.000 espectadores.

Os gols do vencedor foram marcados por Joaquín Larrivey e Oscar Ruiz, aos 57 'e 63' de jogo, respectivamente. O desconto para a equipe argentina foi obra do atacante paraguaio Adam Bareiro de pênalti.

A entrada do extremo Ruiz na segunda etapa foi decisiva para o retorno do "ciclone" paraguaio. San Lorenzo perdeu sua vantagem inicial, com divergências na zona defensiva.

Cerro Porteño enfrentará na próxima instância o River Plate, atual monarca dos Libertadores que na terça-feira eliminou o Cruzeiro de Belo Horizonte na definição por pênaltis.

Estatísticas

  • O Cerro Porteño ampliou sua invencibilidade para quatro partidas contra o San Lorenzo na CONMEBOL Libertadores; ganhou seus dois jogos em casa e empatou os dois duelos que jogou como visitante.
  • O Cerro Porteño conquistou seu quarto jogo consecutivo em casa na CONMEBOL Libertadores; É a sua maior racha neste século na competição.
  • O Cerro Porteño classificou para as quartas de final pela segunda vez neste século; Nas últimas quatro vezes em que chegou a essa ocasião, também conseguiu se classificar para as semifinais (1993, 1998, 1999 e 2011).
  • Óscar Ruiz, do Cerro Porteño, é o primeiro jogador a marcar um gol e receber um pênalti depois de entrar do banco em uma partida da CONMEBOL Libertadores 2019.
  • Sebastián Torrico disputou seu 30º jogo de CONMEBOL Libertadores com o San Lorenzo; mais do que qualquer outro jogador de Ciclón na história (superou os 29 de Leandro "Pipi" Romagnoli e Alberto "Beto" Acosta).